Reunião APG – 01/06/2017

Participantes: Bárbara, Deco, Jefferson, Lucas e Marisa

 

Pauta única: Apresentação de propostas para estruturação dos GTs

 

Informes:

  • Jefferson: conversou com coordenação geral da pós-graduação sobre próxima edição da revista Manguinhos, que será sobre educação, articulando possível presença da APG; conversou com Vera Pepe sobre ajudar na ocupação da biblioteca parque de Manguinhos; conversou com Barral sobre reunião; relatou que houve uma proposta de usar o escritório de captação de recursos para ajudar na assistência estudantil.
  • Bárbara: dia 01/06 de manhã aconteceu o GT de violência na ENSP, no qual Julio estava presente e dia 06/06 ocorrerá GT de violência da Fiocruz.
  • Deco: chamamento para evento de 2 e 3 de junho “As contrarreformas e as lutas dxs trabalhadorxs”

 

Pauta:

  • Debatemos que nossa atuação junto ao sindicato tem que ser pontual e não no sentido de aparelhamento, precisamos deixar muito claro o lugar de onde falamos e as decisões precisam ser composições de nosso coletivo
  • Debatemos a necessidade de não ficarmos presos aos muros da instituição e nos inserirmos em espaços fora da Fiocruz
  • Foi dito que informações de segurança são transmitidas pela Lista L e pelo aplicativo carona solidária e ambos necessitam e-mail institucional, ao qual nem todos estudantes têm acesso.
  • Foi defendido que precisamos ter claro em qual instâncias iremos nos inserir como representação discente e quais assuntos vamos pautar em cada GT ou CT.
  • Proposta de reivindicar participação no Abrascão articulando com o fórum de saúde da ANPG e com fórum nacional de residentes foi apresentada.
  • Proposta de reivindicar participação no espaço do salão nacional de divulgação científica do congresso da SBPC articulando com a ANPG. Destaque para o papel da ANPG na reunião da ANPG que debateu o pagamento de mensalidade nas pós-graduações.
  • Ressaltou-se que quem tem que garantir recursos para a assistência estudantil é a Fiocruz não a APG.
  • Defesa de que precisamos ter confiança em quem está nos nossos grupos internos
  • Defesa da transparência nas relatorias das reuniões internas e dos espaços em que somos representações discentes
  • Foi argumentada a necessidade de nos distanciarmos enquanto gestão dos jogos políticos institucionais da Fiocruz, mais especificamente do tensionamento IOC x ENSP.
  • 3 GTs tiveram suas propostas organizativas apresentadas:
  • GT de articulação política atuará em articulação com:
    • outras APGs
    • ANPG
    • SBPC
    • FAPs
    • Instâncias da Fiocruz
    • Fórum de saúde
    • Fórum nacional dos residentes
    • Outras entidades pertinentes
  • GT de articulação política ficará responsável por
    • pensar a reforma do estatuto
    • chamada para atos
    • pedir a inclusão dos estudantes na lista L
    • reivindicar a inclusão da pós no bilhete único
  • GT de saúde pensará saúde partindo de um contexto amplo de saúde no SUS para um contexto particular de saúde dos estudantes de pós-graduação. Atuará articulando com o fórum de saúde da ANPG. Atuará sobre:
    • saúde mental dos estudantes
    • assédio moral
    • violência
  • GT de educação e pesquisa se pautará institucionalmente dentro da CT de educação e ficará responsável por
    • Reivindicar um sistema integrado de disciplinas (divulgação, matrícula)
    • Articular com os RDs dos PPG
    • Recolher contatos dos estudantes da Fiocruz
    • Elaborar pesquisa do estudante da Fiocruz
    • Questões envolvendo regimes trabalhistas dos alunos
  • Os demais GTs não tiveram sua organização interna discutida, porque não havia representantes na reunião. A sua organização passou para a próxima reunião, dia 12 de junho.

 

Encaminhamentos (responsáveis em parênteses):

  • Marcar reunião com Nísia e fechar a data da reunião com Barral ainda para Junho (Jefferson);
  • Elaborar a pauta para a reunião com Barral (GT de educação e pesquisa);
  • Elaborar a pauta para a reunião com Nísia (GT de articulação política);
  • Solicitar para as coordenação das PPG os contatos das secretarias acadêmicas (Jefferson);
  • Perguntar para as pessoas do grupo que não se pronunciam se elas vão contribuir com a construção coletiva da chapa; pedir comprometimento de todos para a próxima reunião e avisar da necessidade de que os colaboradores da APG façam relatos sobre os espaços que estão ocupando (Lucas);
  • Passar pessoal da articulação política para grupos de Whatsapp das APGs (Lucas);
  • Solicitar para Maria que nós tenhamos participação no grupo com a Faperj (GT assistência estudantil);
  • Verificar quem pode participar do GT de violência da Fiocruz dia 06/06 (GT de saúde)
  • Articular com ANPG o espaço no congresso da SBPC que ocorre agora em junho. (articulação política)
  • A longo prazo: dialogar presencialmente com pós graduandos da fiocruz. A curto prazo: divulgar carta de direitos dos pós graduandos no grupo e fanpage da APG (todos)
  • Articular com a Abrasco e solicitar que tenhamos um espaço no Abrascão de 2018 que ocorrerá na Fiocruz (GT articulação política)

Próxima reunião: 12/06 durante a noite, local a definir

Pautas pendentes: estruturar GTs de estrutura e financiamento, comunicação e assistência estudantil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s